Rádio Peruíbe Online
Publicidade
Publicidade
Nossa Localizacao
Peruíbe/SP
Justiça reverte cassação de mandato de vereador em Peruíbe, SP
28/04/2018

Justiça reverte cassação de mandato de vereador em Peruíbe, SP Alexandre Tamer Júnior (PSB) era acusado de ter doado cadeira de rodas para conseguir votos nas eleições de 2016.     A Justiça Eleitoral reverteu a cassação do diploma do vereador Alexandre Tamer Júnior (PSB), de Peruíbe, no litoral de São Paulo, condenado em setembro do ano passado pelo crime de compra de votos. A decisão foi tomada por unanimidade em julgamento ocorrido na quinta-feira (26). Na ocasião, o desembargador Waldir Sebastião de Nuevo Campos Júnior, relator do processo, julgou improcedente as denúncias de compra de voto denunciadas ao Ministério Público Eleitoral. Tamer foi absolvido em um placar de 6 à 0 em seu favor. Sétimo mais votado nas eleições de 2016, com 625 votos, o parlamentar foi alvo de denúncia no MP por ter doado uma cadeira de rodas aos eleitores com a finalidade de obter votos no pleito daquele ano. A prática foi identificada como "captação ilícita de sufrágio", e o pedido era de cassação do diploma, mandato e anulação de todos os votos recebidos. Entretanto, Tamer não se afastou do cargo para se defender das acusações, graças a um recurso aprovado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Agora absolvido, o vereador disse estar feliz com o resultado. "Recebi a notícia com muita tranquilidade. Ficou provado a minha inocência, e estou feliz que a justiça foi feita", afirmou ele, que seguirá atuando na Câmara de Vereadores da cidade.   A Justiça Eleitoral reverteu a cassação do diploma do vereador Alexandre Tamer Júnior (PSB), de Peruíbe, no litoral de São Paulo, condenado em setembro do ano passado pelo crime de compra de votos. A decisão foi tomada por unanimidade em julgamento ocorrido na quinta-feira (26). Na ocasião, o desembargador Waldir Sebastião de Nuevo Campos Júnior, relator do processo, julgou improcedente as denúncias de compra de voto denunciadas ao Ministério Público Eleitoral. Tamer foi absolvido em um placar de 6 à 0 em seu favor. Sétimo mais votado nas eleições de 2016, com 625 votos, o parlamentar foi alvo de denúncia no MP por ter doado uma cadeira de rodas aos eleitores com a finalidade de obter votos no pleito daquele ano. A prática foi identificada como "captação ilícita de sufrágio", e o pedido era de cassação do diploma, mandato e anulação de todos os votos recebidos. Entretanto, Tamer não se afastou do cargo para se defender das acusações, graças a um recurso aprovado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Agora absolvido, o vereador disse estar feliz com o resultado. "Recebi a notícia com muita tranquilidade. Ficou provado a minha inocência, e estou feliz que a justiça foi feita", afirmou ele, que seguirá atuando na Câmara de Vereadores da cidade.  

Fonte: https://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/justica-reverte-cassacao-de-mandato-de-vereador-em-peruibe-sp.ghtml
21:00 as 21:00
Publicidade
Peça a sua música!
Envie seu Pedido Musical preenchendo todos os dados abaixo:
Atendimento
NTG - Peruíbe/SP
Ligue agora
(13) 3419-4772
Horário de atendimento
08:00 AS 18:00 HS